fbpx

Boas práticas de Governança deixam de ser diferencial e tornam-se regra no mercado segurador

Boas práticas de Governança deixam de ser diferencial e tornam-se regra no mercado segurador

Diretrizes da ESG são incorporadas pela Susep na Circular nº666/2022

 

O termo ESG (Environmental, Social and Corporate Governance) é conhecido pelas empresas atentas aos assuntos relacionados à sustentabilidade e boas práticas. Suas disposições envolvem a valorização das questões ambientais, sociais e de governança nas empresas.

A Agenda ESG específica para o setor de Seguros veio com a Circular da Susep publicada em 30/06, que vai requerer das seguradoras a criação de uma política de Sustentabilidade e um relatório anual com riscos e oportunidades relacionados aos aspectos ESG. A norma também considera a promoção de uma sociedade inclusiva, expressa pela incorporação de um comportamento ético que contribua para o desenvolvimento sustentável e com responsabilidade social. 

Pensar em diversidade e agregar perspectivas diferentes dentro do ambiente corporativo é engrandecedor em todos os sentidos, e no ramo segurador não é diferente. 

A Sombrero Seguros é uma empresa que, desde seu surgimento, busca constantemente traçar estratégias a fim criar um ambiente de inclusão. Sua mais recente ação foi aderir à Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial, em parceria com a Universidade Zumbi dos Palmares.

“Enquanto a sociedade não exigir a redução das desigualdades e o nivelamento das oportunidades (…), é importante que pelo menos as empresas façam o que estiver ao seu alcance para atingir esse objetivo.”

– Leonardo Paixão, CEO da Sombrero.